Almôndegas de Carne

Se você é do tipo que adora uma massa, as almôndegas podem te ajudar a compor pratos que matam a vontade de comer os pratos mais tradicionais da cozinha italiana, sem abrir mão de sabor (e muita saúde, claro!). Alguns exemplos de acompanhamentos para almôndegas: macarrão de abobrinha ao alho e óleo; purê de abóboras e molho de tomate; jardineira de vegetais e salada de folhas; Entre outras combinações. Leia mais →

Almôndegas de Frango

Se você é do tipo que adora uma massa, as almôndegas podem te ajudar a compor pratos que podem matar a vontade de comer aquela massinha, sem abrir mão de sabor e com uma grande vantagem: ainda possuem muitos nutrientes! Alguns exemplos de acompanhamentos para as almôndegas de frango: macarrão de abobrinha ao alho e óleo; purê de abóboras e molho de tomate; jardineira de vegetais e salada de folhas; Entre outras combinações. Leia mais →

Arroz de Couve-Flor

Uma das substituições mais populares é justamente o arroz de couve-flor. Além de ter mais fibras e vitaminas, o arroz de couve-flor ainda possui uma quantidade muito superior de antioxidantes que o arroz comum. Para você ter uma idéia, comparando 100 gramas de couve-flor cozida no vapor com 100 gramas de arroz integral, temos o seguinte resultado: **couve-flor** **arroz integral** carboidratos (g) 6 24 proteínas (g) 2 2 gorduras (g) 0 1 cálcio (mg) 34 10 fósforo (mg) 44 77 ferro (mg) 0,5 0,5 potássio (mg) 404 79 Sódio (mg) 8 5 Embora o arroz integral seja mais rico em fósforo, a couve-flor possui uma concentração maior de potássio e cálcio, além de possuir uma quantidade bem inferir de carboidratos (ou seja: trocar o arroz branco ou integral por arroz de couve-flor, pode te ajudar a perder peso). Leia mais →

Filé de Frango Assado com Alecrim

Esse prato é bem coringa e pode ser servido com diversos acompanhamentos. Algumas combinações que recomendamos com o filé de frango assado com alecrim: arroz de couve-flor e salada de repolhos; purê de abóbora e salada verão; jardineira de vegetais e melão. E você pode usar a criatividade e montar outras combinações divertidas. Outra forma de acompanhar esse prato é usar hortaliças mais firmes (como couve, acelga e repolho) e montar “wraps” com o frango. Leia mais →

Receita de Jardineira de Vegetais

Claro que existem diferentes maneiras e combinações de montar uma jardineira. Se você pratica exercícios físicos com freqüência, você pode apostar em combinações com vegetais com uma carga maior de carboidratos, como batata doce, inhame, mandioca e relacionados. Agora, se você está procurando perder alguns quilinhos, você pode apostar em combinações mais leves, como abóboras, couve-flor, brócolis, cenouras, entre outros. ;) Nessa receita, vamos passar algumas combinações de jardineiras de vegetais para que você possa aproveitar a dieta paleolítica. Leia mais →

Macarrão de Abobrinha

Essa receita é bem versátil, e acompanhada de um molho bem feito, é uma opção de acompanhamento super leve e low carb para peixes, aves e carnes. Que tal algumas dicas de pratos? Experimente o macarrão de abobrinha com molho de tomate tradicional e almôndegas e salada de rúcula. O resultado tem poucos carboidratos, é muito nutritivo e é uma delícia! Você também pode fazer o macarrão de abobrinha ao alho e azeite, combinar com peito de frango assado e salada de folhas variadas, o resultado também é bem saboroso e cheio de nutrientes. Leia mais →

Carne Moída com Tomate e Molho Bolognesa

No caso do molho, é necessário preparar o mesmo antes da carne moída. Agora, caso você não esteja procurando a textura de ‘molho pedaçudo’, você pode adicionar o tomate à carne moída praticamente preparada. Por esse motivo, essa receita tem duas formas de preparo: o molho bolognesa tradicional e a carne moída com tomate, onde o tomate não chega a derreter totalmente. Claro que existem algumas versões de molho bolonhesa mais requintados, com vinho branco, leite e outros ingredientes que não estão na dieta paleo. Leia mais →

Omelete de Hortaliças

Ingredientes 2 ovos; 2 xícaras de chá de hortaliças de sua preferência; sal à gosto; óleo de côco para untar. Modo de Preparo Unte uma frigideira com óleo de côco. Quebre dois ovos em uma tigela e misture bem. Adicione as hortaliças já picadas, sal e temperos, mexa bem até ficar homogêneo. Derrame a mistura na frigideira, feche com uma tampa e leve para fritar em fogo baixo. Leia mais →

Omelete de Vegetais

Algumas opções de omelete de vegetais que ficam bem saborosos: brócolis abobrinha (não precisa estar previamente cozida) asparos cenoura ralada (não precisa estar previamente cozida) Ao invés de fritar, você também pode assá-la - para isso, o processo é o mesmo. Basta untar uma forma pequena com o óleo de côco, derramar a omelete batida e levar para assar até dourar. 1. Quebre dois ovos na frigideira pré untada, e adicione um pouco de sal por cima. Leia mais →

Ovos Mexidos

Começar o dia com ovos mexidos é uma ótima pedida, pois você já começa sua rotina com uma refeição rica em proteínas de alta biodisponibilidade. Por sinal, se você quiser saber mais sobre o assunto, não deixe de conferir o nosso artigo sobre esse poderoso alimento: os ovos. Se você já tem o costume de fazer ovos mexidos e gostaria de ideias para deixar essa receita com um sabor diferente, você pode explorar alguns temperos e até mesmo alguns pedacinhos de vegetais para inovar um pouco no cardápio. Leia mais →

Peito de Frango Refogado

O filé de frango também é um velho conhecido de toda dieta - afinal, quem nunca ouviu que para ganhar massa muscular é necessário comer frango com batata doce? Ou ainda, que para emagrecer uma das melhores carnes é o filé de frango? Quem nunca recebeu a dieta do nutricionista e, entre as carnes liberadas, está o infame filé de frango? Pois então, apesar de ter a fama de ser sem graça, o peito de frango pode ser um prato coringa no seu dia a dia, pois basta mudar um pouco os temperos para assumir outro sabor! Leia mais →

Receita de Purê de Abóbora

Por sinal, a abóbora é rica em antioxidantes e vitaminas (para saber mais, não deixe de conferir o nosso artigo sobre as propriedades das abóboras), então essa receitinha de purê de abóbora, além de ser bem saborosa, também é uma excelente alternativa para o purê de abóboras tradicional. Só para você ter uma idéia:   **abóbora** **batata inglesa** carboidratos (g) 6 20 proteínas (g) 0,4 1,7 gorduras (g) 0,5 0,1 fibras (g) 2,5 1,8 cálcio (mg) 19,1 8 vitamina C (mg) 6,7 19,7 fósforo (mg) 11,7 0 magnésio (mg) 7,5 0 ferro (mg) 0,1 0 potássio (mg) 183,2 328 sódio (mg) 3 5 Ou seja, embora a batata inglesa possua uma concentração maior de vitamina C e proteínas, a abóbora compensa por ter uma concentração maior de outros nutrientes. Leia mais →

Receita de Quiabo com Limão e Tomate

Essa receita é bastante simples de preparar. Levemente ácida e muito saborosa, ela pode acompanhar os mais variados tipos de carnes. Quer alguns exemplos de combinações simples e saborosas com quiabo? Experimente: Combine uma porção de quiabo com tomate, sobrecoxas de frango assadas, salada de agrião com alface e uma porção de abóboras (regue a salada com um pouco de azeite). A descrição é mais complicada do que o prato, e o resultado é uma refeição super saborosa, nutritiva, saudável e com baixo teor de carboidratos. Leia mais →

Tirinhas de filé com Alecrim, Alho e Cebola

As tirinhas de filé podem ser servidas acompanhadas de uma jardineira de vegetais, ou até mesmo de macarrão de abobrinha ou guacamole e salada verde. Você também pode servir esse bife com purê de abóbora ou apenas com uma salada de hortaliças variadas. Aliás, no lugar do alecrim você também pode usar outros temperos, o que abre ainda mais o seu leque de possibilidades. Afinal de contas, seguir dieta não precisa ser chato, não é? Leia mais →

Carne Moída: Receitas Simples e Dicas de como variar

E é possível deixar a carne moída interessante todos os dias - tanto o corte da carne quanto o tempero usado e acompanhamentos pode torná-la bem diversificada! E vamos combinar, a carne moída também é muito prática e bem saborosa. Algumas opções bem bacanas de combinações de temperos que você pode usar: o tradicional alho, cebola e limão (sim, é nossa combinação favorita de temperos); páprica picante e pimenta caiena; manjericão e orégano; páprica picante e leite de côco; curry e gengibre; Entre outras combinações, inclusive as “inesperadas”. Leia mais →