Berinjela: informações nutricionais, propriedades e benefícios

A beringela (ou berinjela) é muito comum na mesa do brasileiro. Nativa da Índia, se adaptou bem na maioria dos climas, desde o clima típico de regiões tropicais até o das temperadas, o que a torna um vegetal super bastante acessível.

A parte dessa planta que geralmente ingerimos é a fruta (sim, a berinjela é uma fruta!) e bem versátil na cozinha, podendo ser usada na composição dos mais diversos pratos. Não é exatamente um vegetal super completo, mas é rica em fibras prebióticas, que servem de alimento para as bactérias no nosso intestino.

beringela

É paleo?

Sim, mas não deve ser consumida em excesso. Algumas pessoas possuem sensibilidade a esse alimento por causa dos alcalóides. E o seu consumo pode levar a inflamações, agravando quadros de doenças inflamatórias, como a artrite.

Mas é claro que não significa que você não precisa excluir totalmente a beringela de sua alimentação (a não ser que você tenha sensibilidade ou doenças inflamatórias). Lembre-se sempre que quanto mais variada a sua dieta, melhor. 😉

Informações nutricionais

Abaixo, seguem a tabela nutricional da beringela, considerando 100 gramas de alimento.

  • Índice Glicêmico: 20
  • Energia (kcal): 20
  • Energia (kJ): 82
  • Proteína (g): 1,0
  • Lipídeos (g):
  • Colesterol (mg): 0
  • Carboidrato (g): 4
  • Fibra Alimentar (g): 2,9
  • Vitamina A (UI): 23
  • Vitamina C (mg): 2,2
  • Vitamina B6 (mg): 0,1
  • Cálcio (mg): 9
  • Ferro (mg): 0,2
  • Magnésio (mg): 14

Benefícios e Propriedades da Beringela

Diversos estudos apontam a beringela como alimento capaz de auxiliar no fortalecimento do corpo e no tratamento de problemas digestivos. A beringela é bastante rica em fibras, ajudando a regular o intestino e trazer uma maior sensação de saciedade.

A beringela contém as vitaminas B1, B2 e C. Além de conter cálcio, ferro e fósforo. Mas ela não é exatamente rica em nenhum desses nutrientes.

A berinjela também tem propriedades diuréticas e antibacterianas, e suas fibras ajudam a combater os efeitos prejudiciais dos alimentos gordurosos no sangue. Essas fibras também ajudam na digestão daquelas comidinhas mais pesadas e ainda previne o envelhecimento precoce, graças a presença de substâncias antioxidantes.

Antioxidantes

Aliás, ainda sobre os antioxidantes, a berinjela é que ela foi classificada como um dos 10 vegetais com maior capacidade para eliminar radicais livres. Isso graças as Antocianinas, um importante grupo de pigmentos geralmente encontrados em frutas com a casca roxa ou vermelhas, como a berinjela. Mas calma, os antioxidantes não estão apenas na casca.

Estudos de 2011 comprovaram que outras partes da beringela também são ricas em fenóis, que são elementos conhecidos por terem alta eficiência como antioxidantes (1).

Mas a beringela ajuda a emagrecer?

Sim! A beringela contém uma substância chamada saponina, que tem ação semelhante a um detergente: quebrando as moléculas de gordura presentes no sangue e impedindo o organismo de absorvê-la. Aliás, meninas, também auxilia na redução da celulite.

Dieta da Beringela: Porque não fazer?

A berinjela é muito aconselhada por nutricionistas e médicos, principalmente em dietas de pessoas com problemas de coração. Sua popularidade é tão grande que algumas pessoas se aventuram a tornar a beringela uma parte essencial do cardápio, sob o nome de “dieta da beringela”.

De maneira geral, a dieta da beringela consiste em tomar o suco de beringela pela manhã e durante o dia. Como já pontuamos anteriormente: selecionar um vegetal ou um pequeno grupo de vegetais como base de uma dieta não é interessante. Por mais benefícios ou completo que um vegetal possa parecer, ele jamais vai ser totalmente completo. Ao escolher apenas um vegetal ou grupo de vegetais como principal componente de sua dieta, você pode estar privando seu corpo de diversos nutrientes e, assim, prejudicando a sua saúde.

Por esse motivo, invista sempre em uma dieta variada: use os vegetais, frutas e boas fontes de proteína como base de sua dieta. Mas jamais restrinja os vegetais a poucas opções.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *